Bem Vindos !

Bem Vindos tôdos(as) os que Amam a Lusitânia , tôdos(as) os que Amam Portugal e o Sêu significado profundo no que respeita ao Futuro da nossa querida Mãe Terra e da Sua Criação , incluindo a Humanidade .
Estejam á Vontade nesta humilde casa , aonde podem Descansar junto á Lareira do Coração , enquanto ouvem uma Música e lêem as Palavras reconfortantes de um Livro ... mas não esperem adormecimento , nem alienação , nem inconsciência , nem nada que nos afaste da Realidade ...
Esperem , talvez , o inesperado , e Tudo o que nos possa (re)conduzir de volta á Fonte ... encontrarão aqui Coisas de muitas proveniências .
Tôdas elas , sejam , Palavras , sejam Música , sejam Imagens , falarão de Dêus , o nosso querido Pai e Mãe , Filho e Espírito Santo ... opto por nomear segundo a Tradição Ocidental , que é a minha , em Especial , nêste Rectângulo ancestral que é Portugal , nêste Balcão que Mira o Atlântico profundo , aonde , Algures , no seu Fundo , a Atlântida aguarda Regressar ao Consciente da Humanidade ... não meçam o que aqui vêem/ouvem/sentem , por conceitos limitadôres , porque a Lusitânia da nossa Alma , não tem medida , a nossa querida Mãe do Céu e da Terra , não SE Limita .
Não nos limitêmos nós (cada um de nós) também ... Tudo é permitido , tôdas as palavras , opiniões , sentimentos , maneiras de vêr , serão permitidas , excepto aquelas que nos conduzam de volta á inconsciência .
Palavras de maledicência , de hipocrisia , de cinismo , de maldade , de intolerância , de fanatismo , de mentira , serão erradicadas deste local de Paz .
Tôdas as formas de expressão , religiosas/espirituais/filosóficas serão bem-vindas dêsde que venham do coração , movidas pêla Honestidade e pela Humildade do verdadeiro aprendiz .
Da Lusitânia , de Portugal , falarei/ falarêmos se assim o quiserem , da sua História , da sua Espiritualidade , dos seus Poetas/Profetas ,das Profecias , da sua imensa e íntima relação com o estabelecimento nesta Terra , das Novas Terras e dos Novos Céus prometidas pêlo Criadôr .

Pesquisar neste blogue

15/07/2014

O  Padrão das Descobertas 
Reconquistado 
(Corrigido para Português  , da "wikipédia"
Estrangeira, Estrangeirada e Acordista)



Começei êste texto , a partir duma imagem do Padrão das Descobertas , uma Sagrada Representação da Alma Grande de Portugal, que vem na “wikipédia” , a qual nomeia as personagens lá representadas.
Tôda esta horrorosa "wikipédia" é anglo-saxónica/estadunidense de raíz . 
É estrangeirada dos Vendidos (cá nascidos )ao Estrangeiro .
É Acordista-braZileira (4) , de violentação da Memória e da Língua de Portugal .



 A Vertente Ocidental

Acontece que esta imagem , vi-a primeiramente no Fb , e , o que me irritou , para além e aquém doutras alarvidades , foi têrem traduzido para inglês os nômes de alguns dos Grandes Portuguêses lá representados ...fui mais longe , comecei a pesquisar e daí saíram êstas considerações e conclusões .
Escusado será dizêr que , corrigi e emendei tudo o que estava mal.

A Vertente Oriental


Tudo está feito para NOS (Portuguêses , Portugal) Estrangeirar/"inglesar" , Desligar da Nossa Raíz e da Nossa Alma como se não tivéssemos sido NÓS , Portugal a Realizar essa Grande Obra de Civilização , como se NÓS , Portugal , fôssemos uma província/colónia Castelhâna  ou "americana" ... (1)


Por isso não é de admirar que esta suposta descrição do Sagrado Padrão das Descobertas de Portugal , tenha sido feita , ou por


»»» um Estrangeirado,maçónico-republicano Subserviente ao Estrangeiro e Traidôr á Pátria e á Sua Língua , ou até por


»»» um inglês-"americano" , cuja perspectiva da História é a anglo-saxónica e mais nenhuma ,ou mêsmo


»»» em "parceria" , uma vez que existem inexactidões quanto á Tradução para Português de alguns dos Nossos Maiores (2) , e também existem palavras no texto "wikipédio" , em Acordês (3) .

E mêsmo que uma Enorme Parte da Realização da História mais Grandiosa da Humanidade tenha sido feita por Portugal, a perspectiva dêles(anglo-saxões e estrangeirados traidôres de Portugal) é que a História Gloriosa que Portugal Construiu á Fôrça da Sua Alma e do Seu Sangue , é "apênas" parte da "história global" que , segundo êsse Refugo , luciferiano , é de raíz anglo-saxónica , uma vez que , também o são , a Maçonaria Sionista internacional .



(1)-Vejam a "descrição wikipédica" , supostamente PT , de  Jácomo de Maiorca






e a do Nosso DUARTE PACHÊCO PEREIRA ,



 




Portanto , segundo os Traidôres/Estrangeirados/Estrangeiros "wikipédicos" o nôme dêle(JÁCOME) é «Jehuda Cresques»...
Não está em causa de nenhuma maneira a sua origem judaica , mas , "claro como água" , "tinha" que sêr judaico , porque , como tôdos "sabêmos( e se não sabêmos , deveríamos sabêr...)" , os judeus , são , o "suprasumo" da Humanidade ... mas leiam o que essa comandita diz :

"«Jehuda Cresques (1350?-1427?), também conhecido por Jafuda Cresques e Jaume Riba, foi um cartógrafo catalão. De ascendência judaica, foi "provavelmente o indivíduo que coordenou as descobertas marítimas" da chamada Escola de Sagres, no início do século XV. ... "


Nesta descrição dúbia , manipulada e manipuladôra , pode-se encontrar a raíz do Mal e da Mentira que pretende Destruir Portugal e a Sua Sagrada Memória ...

Senão vejamos .

Um aparte : A palavra "provavelmente" está errada .
É correctamente escrita assim :

Provávelmente .





Depois , o indivíduo que "escreve" esta anomalia , diz , "provavelmente", estabelecendo
insidiosamente , a DÚVIDA sôbre a Autoria mais do que estabelecida das Descobertas de Portugal
a qual, como tôdo O Português sabe , É Portuguêsa , tendo como seu mentôr o Infante Dom
Henrique , filho grande da Alma de Portugal . 



E depois diz que foi Jácome quem "coordenou as descobertas marítimas da CHAMADA Escola de Sagres" ... 




Não diz , que Jácome Coordenou Inicialmente a Cartografia das Descobertas de Portugal ensinando a sua sabedoria aos jovens cartógrafos Portuguêses que , mais tarde continuariam a Cartografar a Missão das Descobertas .
Sabendo-se ainda que a navegação ensinada por Jácome era Mediterrânica , o que se revelou , manifestamente limitada , para a Navegação Atlântica de Alto-Mar , tendo os Cartógrafos Portuguêses Criado a Navegação Atlântica , muito mais complexa e difícil .

Tudo isto não diz o enegúmeno da WikiManipulação Histórica (generalizada , pois não se limita a esta questão...) ...



«Jacomo de Maiorca teve um papel importante ao nível da cartografia portuguesa, ensinando esta arte aos futuros cartógrafos.»



O que vem confirmar a afirmação do Grande Historiadôr Português  Luís de Albuquerque .
 

E depois , o energúmeno da wp , diz , " a chamada Escola de Sagres" , em primeiro lugar , referindo-se á Escola de Sagres como se nada tivesse a vêr com êle, o que NOS diz uma de duas coisas :

Ou é Estrangeirado( e portanto Traidôr a Portugal...) , ou é Estrangeiro !

Em segundo lugar , designando-a como "a chamada escola de Sagres", o que , mais uma vez insidiosamente , sugere que não houve Escola de Sagres .



(2)-No "original" "wikipédio" há uma grande mistela entre uma péssima traducção para Português
caso de "antonio ábreu"(ou , talvez para Acordês...), ou "estêvão DE gama"/"cristovão DE gama"(o
DE , é uma nítida traducção anglo-saxónica, que em Português é DA ...) e a traducção para inglês
de alguns dos Nossos Maiores , tais como «Henry the Navigator»/«king Afonso V»/«St.Francis
Xavier»/«Ferdinand the Saint»,«Peter Duk of Coimbra»,«Philippa of Lancaster» , que , como se
pode verificar , são os que estão mais ligados por laços de sangue aos anglo-saxónicos e que são ,
como não podia deixar de sêr, os nômes mais sonantes , as Personagens Históricas de Portugal
que , supostamente , são (para êles) as que tiveram mais influência no Rumo das Descobertas
Portuguêsas , que , para êles(embora não o digam textualmente) , não são Portuguêsas .






(3)- Há o Acordês do "autôr" desta descrição , que se pode lêr no texto "wikipédio", e não é só isso ...
É nítido , ao denominarem as Personagens , o Desrespeito pelos Maiores de Portugal , ao
"destituí"-LOS da Sua Legítima Importância e Realêza , tais como o Infante DOM Pêdro , Duque
de Coimbra , a Rainha de Portugal , DÔNA Filipa de Lencastre , O Infante DOM Henrique , O
Navegadôr , o Infante Santo, DOM Fernando , que , segundo êles , é «filho do rei João I de
Portugal» , frase que nos dá a impressão de que , ou não sabem nada da História de Portugal , ou
de que menosprezam completamente a Importância destas Personagens de Portugal ,
ou , de que são Estrangeiros , ou de que são Estrangeirados , ou de que são isto tudo em
conjunto ...
Mas , continuando , e para acabar , El-Rey DOM Afonso V e El-Rey DOM João I , O Mestre de Avis .




É nítido , o Desprêzo pela Realêza e pelas Dinastias da Monarquia de Portugal , que

Representam "SÓ" quase XIX  Séculos de História da Existência , Parte Integrante e Essencial da 

Alma de Portugal assim como da Sua Parte Gloriosa e Constructôra , aceitando óbviamente , que 

Humanos como eram/são , os Nossos Maiores também erraram , mas Sabendo , também Óbviamente 

que , SEM a Sua Realêza , Portugal , é hôje , «Um Cadáver adiado que procria ...»(Fernando Pessôa) .

Aguardêmos com o Coração e a Mente plênos de FÉ e de Crença em Cristo ,
 pois  
A Hora de Portugal Vai Chegar !


(4) - Nunca é demais frisar que considero existirem 2 tipos de nativos do Brasil.
Os Brasileiros(tenho alguns amigos) , com S , que são gente Bôa , Inteligente , Conhecedôra , Descendentes em côrpo e alma , ou mêsmo só em alma do Brasil Real e Soberâno  , gente que reconhece e Ama as suas Raízes Culturais  e genéticas ,  que ama Portugal , gente que tem Levado o Brasil para Frente contra ventos e marés antagonistas e traidôras , ou , inconscientes e ignorantes ...
Os outros , são os braZileiros , com Z , por escrevêrem o nôme do Brasil com Z(tudo serve para se desligarem e desprezar a Nação Lusa que originou o Brasil ...), uma designação maçónica e anglosaxónica ... falam sempre dos seus antepassados e das suas raízes com desprêzo ,  como "os colonizadôres" , esquecendo-se que O Brasil , sem Portugal , Nunca existiria ....seria outra nação , ou , nação nenhuma , apênas uma grande floresta com centênas de tribos que se guerreavam e comiam umas ás outras ...
Falarei desta questão , em breve ,  numa outra publicação.
(clicar)

4 comentários :

  1. Rogério Maciel, entre em contacto comigo, por favor.

    ResponderEliminar
  2. Excepcional texto. Parabéns ao autor. Permita-me que neste espaço homenageie o Grande Infante D. Henrique.

    Infante Dom Anrique de Portugal

    Cada terra Portuguesa
    Do invencível Norte
    Ao guerreiro Sul e Insulares rochedos
    Pedaços são...

    Da Nação que nada deve
    Nem o seu povo
    O ficou a dever a ninguém...

    Mas diz-nos, Anrique...
    Quantos ventos tu quebraste
    Quantos mares, quantas tormentas
    Quantas frotas navegadas
    Quantas mortes por lembrar...

    Quantos filhos, quantos pais
    Quanta saudade escondida
    Quantos abraços por dar...

    Mas diz-nos Anrique...
    Quantos heróis sem ter nome?
    Quantas vitórias caladas?
    Quantas Ceutas conquistadas?
    Quantas bandeiras erguidas?
    E batalhas?
    Quantas, quantas, foram travadas!?...

    Que eu por ti - sem temor também direi:
    Quantas terras por Portugal - Descobertas ...
    Hoje!... Só se dizem “achadas”!

    Que eu por ti sem temor também direi:
    Que Portugal ao mundo
    Sempre mais Deu – do que “achou”
    Trilhando...
    IDA – Descobriu
    IDA - Fez
    IDA – Povoou...

    Com filhos que, da Terra Mãe
    A lide – o suor – a tormenta – e o mar...
    Sem trazer e sem pedir
    IDA – Hoje de Portugal já levou!

    Que eu por ti sem temor também direi...

































































    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito Grato pelo comentário.É com imenso Prazêr que publico o seu Poêma de que Gosto Muito . Suponho que é seu e , se me permitir , gostaria de o publicar no meu Fb .
      Diga-me alguma coisa .
      Os meus Melhores Cumprimentos Lusitânos !
      Espero que venha sempre aqui visitar-me.

      Eliminar

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...